PI 69336 - SITE O ESPORTIVO - PREF. DE CUIABÁ - CAMPANHA CONTRA O AEDES AEGYPTI

Cuiabá se prepara para próxima batalha

Depois do empate sem gols diante do Botafogo de Ribeirão Preto (SP) no final e domingo na Arena Pantanal, a comissão técnica do Cuiabá não deu folga ao elenco e ontem à tarde convocou o grupo para reiniciar os trabalhos visando o jogo de volta da semifinal da Série C do Campeonato Brasileiro no próximo sábado, no estádio Santa Cruz, no interior de São Paulo.

Para o comandante técnico do Dourado, Itamar Schulle, sua equipe tem sim condições de trazer a vaga de finalista da competição e de disputar o título. “Ainda restam mais 90 minutos de jogo e o resultado de domingo na Arena não foi de todo ruim, apesar de a gente ter criado maios situações de gols que o adversário. Não adianta lamentar, pois o resultado não vai mudar e precisamos tirar lição dessa partida para não cometer os mesmos erros de domingo”, disse.

Para esta terça-feira está programado trabalho integral para todos. Ontem o elenco que participou do jogo foi submetido a exames e os demais já participaram de atividades físicas e de treino coletivo utilizando meio campo. Para a manhã desta terça estão programados atividades físicas pela manhã e à tarde, às 15h30, treino coletivo.

O zagueiro Edney, disse que o Cuiabá teve sim reais chances de sair da Arena Pantanal com o resultado positivo, mas seus companheiros pecaram nas finalizações ao gol. “Temos sim condições de retornarmos com a classificação garantida para a final lá de São Paulo. O Cuiabá foi superior o tempo todo na Arena e não saímos com a vitória por pura falta de sorte nossa”, disse.

A expectativa da diretoria de levar mais de 30 mil torcedores no jogo de ida da semifinal da Série C não deu certo, mas cerca de 25 mil torcedores, que proporcionaram uma renda de 175.505 reais, apesar de não sair gols, a maioria gostaram do jogo. “Seria melhor se o Cuiabá marcasse pelo menos uns dois gols das várias oportunidades que criaram, mas mesmo assim foi bom o jogo”, disse o desportista do Tijucal, Ricardo Rodrigo.

Foi um jogo truncado de ambos os lados. O atual campeão mato-grossense teve mais pose de bola nos 45 minutos iniciais e conseguiu levar perigo ao gol defendido por João Lucas. No segundo tempo foi a vez do time visitante também criar algumas situações de perigo, mas nada que assustasse o torcedor e assim terminou em igualdade o placar do jogo. A decisão ficou para o jogo de volta que será no sábado, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto. Um novo empate leva a decisão para os pênaltis.

Categorias:NOTÍCIAS

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

Navegação Rodapé