CAMPANHA NOTA CUIABANA - IMAGINE

Cuiabá enfrenta o Operário e quer o título

ADMAR PORTUGAL
Da Reportagem

Hoje é o dia D para o Cuiabá Esporte Clube. D, de decisão da Série C do Campeonato Brasileiro diante do Operário de Ponta Grossa (PR), às 18 horas. O torcedor reconhece a ótima fase que o atual campeão mato-grossense atravessa e promete lotar a Arena Pantanal, palco de quatro jogos da Copa do Mundo. Devido ao empate em 3 a 3 no jogo de ida, o vencedor do embate deste sábado será o campeão. Uma nova igualdade no marcador, decisão nos tiros livres, pênaltis.

Melhor equipe da Terceira Divisão do nacional, o Dourado é, também, um time perigoso quando tem o mando de campo a seu favor. Desta forma, o grupo comandado por Itamar Schulle tem grandes chances de vencer o clube paranaense no tempo regulamentar e conquistar o título de campeão. “Temos que entrar em campo com atenção em dobro e procurar jogar com respeito ao adversário, porém determinado a conquistar nosso objetivo que é a vitória”, disse o treinador.

O comandante não revelou o time que deve começar jogando, mas tudo indica que serão os mesmos que atuaram no jogo passado. A certeza mesmo é que o atacante Bruno Sávio, lesionado no tornozelo direito, está fora e nem relacionado para o jogo foi. No Cuiabá apontado como favorito, apesar que ninguém da comissão técnica e jogadores admitem. O retrospecto do clube na Arena é positivo. Em 11 jogos disputados venceu oito, empatou um e perdeu duas vezes. Marcou 21 gols e sofreu apenas cinco.

O volante artilheiro do clube na Série C com nove gols, se diz feliz pela boa fase que atravessa. “Só tenho a agradecer meus companheiros e espero sim fazer mais gols e ajudar oi Cuiabá a ser campeão. Mas meu principal objetivo é ser campeão e vou dar tudo de mim em campo, não somente eu, como todo o grupo”, disse confiante.

Na atividade tática, foram aprimoradas, entre outras coisas, marcações, bolas aéreas e transições. Jenison e Eduardo Ramos, empatados com sete gols cada, prometem se entregar de corpo e alma na decisão. “O Cuiabá vai partir pra cima deles em busca da vitória. Estamos unidos em um só objetivo, conquistar o titulo”, disse.

No Operário, o técnico Gerson Gusmão não vai contar com o atacante Schumacher, expulso no jogo passado em Ponta Grossa. A boa notícia é o retorno do lateral-direito Léo, que cumpriu suspensão e volta ao time titular no lugar de Danilo Báia. “agora é matar ou morrer. Sabemos das qualidades do adversário, mas é uma decisão de campeonato e vamos partir com tudo pra cima em busca de nosso objetivo”, argumentou o técnico.

CUIABÁ

Victor Souza; Jean, Ednei, Edson e Danilo Silva; João Carlos, Ale, Marino e Eduardo Ramos; Jenison e Adriano Pardal. Técnico: Itamar Schulle

OPERÁRIO

Simão; Léo, Alisson, Sosa e Peixoto; Chicão, Dione, Erick e Robinho; Cleyton e Bruno Batata.. Técnico: Gerson Gusmão

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique. Assistentes: Michael Correia e Silbert Faria Sisquim, todos do Rio de Janeiro. Árbitros reservas Rodrigo Nunes de Sá (RJ) e Adilson Rodrigo dos Santos (MT)

Horário: 18 horas

Local: Arena Pantanal, Cuiabá (MT)

Categorias:NOTÍCIAS

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

Navegação Rodapé