PI 27102 Prefeitura de Cuiabá - Campanha Mutirão Fiscal 2018

Eu voto!

No próximo domingo, dia 7 de outubro, é um domingo especial. Especial porque é dia de eleição para Presidente da República, senador, deputado federal e deputado estadual. Ao todo vamos votar por seis vezes. O cidadão deve ir às urnas com a “colinha” dos seis candidatos e seus respectivos números – não adianta levar o nome – postulantes aos cargos citados acima. Eu gostaria de votar por pelo menos umas 20 vezes. Posso levar os números dos candidatos e não errar as numerações e ponto final. Exerci meu papel de cidadão.

No Brasil são 143,7 milhões de eleitores. Em Mato Grosso são dois milhões e 330 mil eleitores que vão escolher entre os 11 postulantes a presidência da Republica um candidato. É pouco, poderíamos escolher por pelo menos cinco. Para Mato Grosso são 147 candidatos a deputado Federal e somente oito serão eleitos. A gente poderia votar aos oito, que ainda sobrariam 139. Para deputado estadual são 350 candidatos, dois quais serão eleitos 24. Eu queria votar em pelo menos nos 24 deles. Para Senador são 11 candidatos e podemos votar duas vezes. Serão eleitos dois e poderíamos votar em pelo menos cinco deles.

A classe política do Brasil está manchada. Ex-presidente da República preso e que lidera pesquisas para presidente. Pode isso? No Brasil pode! É ex-governador preso acusado de ‘n’ crimes não somente em Mato Grosso como também em outros estados. Deputados idem. São presos e soltos diretos para campanha de reeleição, pode isso? No Brasil pode! O eleitor não adianta lamentar e muito menos criticar este ou aquele candidato. É o sistema, dizem por ai.

É muito fácil falar mal do político em si. Qual será o melhor candidato? Acredito que é aquele em quem eu vou votar. O eleitor deve esquecer do partido a qual o candidato pertence e sim, votar na pessoa. Para deputado estadual, mais próximo da gente, são 350 candidatos. Algum deles deve gozar de sua confiança e vote nele. Exerça seu papel de cidadania e vote com consciência na certeza de estar escolhendo a pessoa certa para governar seu estado e o Brasil.

Para governador de Mato Grosso, além do atual Pedro Taques ser candidato a reeleição, tem também o empresário e ex-prefeito por Cuiabá Mauro Mendes, Artur Nogueira, ex-superintendente da Policia Rodoviária Federal, o funcionário publico Moisés Franz e o senador por Mato Grosso Wellington Fagundes. Um desses candidatos deve preencher seu perfil e vote com tranquilidade na esperança de contar com uma boa administração para nosso estado. Eu vou acordar cedo e fazer o meu papel de votar. Vote você também!

 

Admar Silva de Portugal é repórter asportugal@diariodecuiaba.com.br

 

Categorias:ARTIGOS

Sem comentários. Seja o primeiro a comentar

Assinar feed dos Comentários

Deixe seu Comentário

Seu endereço de email não será publicado.
Campos com * são obrigatórios.

Navegação Rodapé